PM morre após ser baleado em frente a comitê eleitoral em SP

Morreu na manhã desta segunda-feira após ser baleado em frente a um comitê político de um candidato do PTB, em Caieiras (SP). Adilson Lopes da Silva, 30 anos, foi encaminhado ao hospital Lacaz, em Francisco Morato, mas não resistiu ao ferimento.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, policiais militares foram chamados para verificar a ocorrência de tentativa de homicídio em frente ao comitê, na rodovia Tancredo Neves. No local, testemunhas informaram que a vítima havia sido levada ao hospital.

Ainda de acordo com a secretaria, três homens teriam se aproximado do comitê e disparado contra o PM. O delegado responsável solicitou perícia no local e na bala retirada do corpo da vítima. As testemunhas foram chamadas para fazer o reconhecimento fotográfico dos suspeitos.