Treze trabalhadores rurais são mortos em chacina no Pará

      BELÉM - A Comissão Pastoral da Terra denunciou uma onda de crimes que tem assustado a região do município de Pacajá, interior do Pará. De acordo com a entidade, entre os dias 17 e 19 de setembro, pelo menos 13 trabalhadores rurais teriam sido assassinados.

A Pastoral aponta a disputa de terras como o motivo dos crimes. Donos de madeireiras estariam contratando pistoleiros para expulsar agricultores de um assentamento criado pelo Incra em 2005. A reserva florestal localizada na área seria cobiçada pelos madeireiros. A Pastoral diz que em junho deste ano, o Ibama, com o apoio da polícia, apreendeu 1,4 mil metros cúbicos de madeira retirados ilegalmente do local, o que comprovaria as denúncias.