Após quatro dias de cancelamentos, Webjet diz ter normalizado voos

      SÃO PAULO - A Webjet informou que voltou a operar normalmente nesta sexta-feira. Segundo a assessoria de imprensa da companhia aérea, a virada de mês zerou a carga horária da tripulação, o que possibilitou a retomada das operações após quatro dias seguidos de alto índice de cancelamentos de voos.

Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), dos 22 voos da Webjet previstos entre 0h e 8h, dois foram cancelados (9,1%). A companhia não tinha nenhum voo atrasado até aquele horário. Para a assessoria de imprensa, os dois voos cancelados nesta manhã "estão dentro da normalidade" do setor e não compromete as operações da companhia nos aeroportos brasileiros.

Em comunicado divulgado ontem, a Webjet havia previsto que os problemas com o limite de horas trabalhadas pela tripulação seriam resolvidos nesta sexta-feira, 1º de outubro. "Com a mudança de mês, a empresa pode novamente contar com todas as suas equipes de tripulantes, bem como com novas equipes que estavam em treinamento e que começarão a voar em outubro", disse a companhia.

Na terça-feira, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu a venda de bilhetes da Webjet até hoje. A agência informou que vem acompanhando a evolução do índice de voos cancelados pela empresa, que passaram de 2,4% em agosto para 5,7% em setembro, chegando a 9,7% na última semana.