Webjet afirma que com novo mês, empresa terá mais equipes disponíveis

A companhia aérea Webjet, que teve alto índice de cancelamentos pelo quarto dia consecutivo, informou nesta quinta-feira que voltará a operar normalmente a partir de sexta. "Com a mudança de mês, a empresa pode novamente contar com todas as suas equipes de tripulantes, bem como com novas equipes que estavam em treinamento e que começarão a voar em outubro", disse a empresa, em comunicado.

Hoje, cerca de metade da Webjet previstos até o final da tarde foram cancelados. De acordo com a companhia, o problema foi causado pela impossibilidade de exceder o limite de horas de trabalho da tripulação da empresa. No comunicado, a Webjet disse ainda que os cancelamentos no dia de hoje "aconteceram de forma programada ao longo do mês de setembro, o que permitiu que todos os passageiros fossem devidamente informados e reacomodados em outros voos da própria empresa ou realocados para outras companhias aéreas".

Na terça-feira, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu a venda de bilhetes da Webjet. A agência informou que vem acompanhando a evolução do índice de voos cancelados pela empresa, que passaram de 2,4% em agosto para 5,7% em setembro, chegando a 9,7% na última semana.