Visita de Alckmin a hospital de SP não passa da recepção

 

O candidato do PSDB ao governo de São Paulo, Geraldo Alckmin, fez uma visita relâmpago, neste domingo (26), ao hospital M'Boi Mirim, na zona sul da capital paulista. O candidato permaneceu menos de 30 minutos no local e não passou da recepção.

Questionado sobre o motivo de escolher este hospital para fazer campanha, o tucano respondeu que o lugar é a representação de uma parceria bem sucedida. "Aqui é um bom exemplo de parceria entre a prefeitura e o governo do Estado. Era um terreno baldio e hoje é um grande hospital", afirmou.

Durante a curta coletiva de imprensa, o candidato disse que, se eleito, vai fazer mais parcerias como esta. "Nós pretendemos ampliar as parcerias com a prefeitura da capital, na região metropolitana e todo interior. Uma boa parceria com as prefeituras e o governo federal, e com a sociedade civil organizada, eleva o índice de aprovação", argumentou.

Acompanhado do prefeito da capital paulista Gilberto Kassab (DEM) e do candidato ao senado Aloysio Nunes (PSDB), o candidato disse não cantar vitória. "Não tem campanha ganha, não vou andar de salto alto, mas estou confiante", afimou o tucano, comparando campanha eleitoral à um SPA: "A campanha eleitoral é um SPA, já emagreci 4 kilos", brincou.