Doações de órgãos crescem quase 30% em São Paulo em 2010

O número de doações de órgãos no Estado de São Paulo cresceu 29,6% entre 1º de janeiro e 15 de setembro deste ano, em comparação com o mesmo período de 2009. O balanço foi divulgado nesta sexta-feira pela Secretaria de Saúde. Os dados mostram que, até o fim da primeira quinzena deste mês, 635 pessoas doaram órgãos, contra 490 no ano passado. Em número de transplantes, o crescimento foi de 23,2% no período, totalizando 1.696 este ano, contra 1.376 em 2009.

Em 2010, São Paulo registrou 59 transplantes de coração, 82 de pâncreas, 1.036 de rim, 474 de fígado e 45 de pulmão. Segundo a Secretaria de Saúde, "somente a família pode autorizar ou não a retirada de órgãos para transplante", e, portanto, os interessados devem comunicar à família o interesse em se tornar doadores.