BA: ex-policial é preso com cartão clonado com erro de grafia

 

     SALVADOR - O ex-policial militar Mauro Vinícius Soares, 30 anos, foi preso quando tentava comprar um celular em uma loja de um shopping de Salvador, na Bahia, com um cartão clonado. De acordo com a polícia, um funcionário notou um erro de português na escrita do cartão e desconfiou do homem.

 

O cartão estava em nome de Pedro de Jesus Figueiredo, técnico de engenharia em estruturas. O problema, que fez o vendedor suspeitar, foi que a última palavra estava escrita com x: extrutura.

 

O vendedor ligou para uma delegacia de polícia e avisou sobre o suposto golpe. Depois de sua detenção, foi descoberto que o ex-policial também é suspeito de envolvimento em um esquema de pirataria.