Aeronáutica instaura inquérito para investigar agressão a soldado em Rondônia

BRASÍLIA - O Comando da Aeronáutica informou que a Base Aérea de Porto Velho (RO) instaurou um Inquérito Policial Militar para apurar responsabilidades sobre lesões sofridas por um soldado dentro das instalações da base. O soldado Pablo Henrique de Freitas teria sido agredido no último domingo. De acordo com a Aeronáutica, ele recebeu socorro médico no Hospital de Guarnição de Porto Velho e foi submetido a exame de corpo de delito no mesmo dia da agressão. Por meio de nota, o comando informou ainda que a ocorrência foi comunicada ao Ministério Público Militar por meio da 12ª Circunscrição Judiciária Militar, situada em Manaus (AM). “O Comando da Aeronáutica repudia qualquer tipo de agressão em suas organizações militares e ressalta que é o maior interessado na apuração rigorosa de todos os fatos ocorridos e no encaminhamento dessa apuração, por meio do IPM [Inquérito Policial Militar] já instaurado, aos órgãos competentes da Justiça Militar”, concluiu o comunicado.