Voos domésticos registram 13,7% de atraso no país

Agência Brasil

BRASÍLIA - Os aeroportos do país registram hoje atraso de mais de meia hora em 13,7% dos voos domésticos. O percentual consta do balanço divulgado ao meio-dia pela Empresa de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Segundo o relatório, dos 998 voos programados para até as 12h, 137 atrasaram. Mais 43 (4,3%) foram cancelados.

Entre os voos internacionais, os índices são menores. Dos 66 voos, 5 (7,6%) atrasaram e quatro (6,1%) foram cancelados.

A companhia aérea Gol, que durante o fim de semana chegou a registrar problemas em mais de metade de seus voos, já não é mais a empresa com o maior percentual de ocorrências. Dentre as cinco empresas que operam nos aeroportos nacionais, ela tem o terceiro pior índice de atrasos.

Nesta manhã, 17,8% de seus voos domésticos atrasaram e 4,5%% foram cancelados. Entre os voos internacionais, 11,8% atrasaram e nenhum foi cancelado.

A empresa com o maior percentual de problemas em voos domésticos desta manhã, a Avianca, registra 24,4% de atrasos e 4,9% de cancelamentos.

Em nota divulgada também nesta manhã, a Gol informou que tem mantido contato com representantes da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para informar as ações que está tomando para garantir o bom atendimento .

De acordo com o texto, a empresa apresentou à Anac um plano de ação que inclui o uso de aeronaves Boeing 767 em na malha de voos regulares. Os aviões têm capacidade para transportar cerca de 250 passageiros, mais do que os Boeing 737 habitualmente usados.