Serra afirma que nunca houve acusação fundamentada contra ele

Marcela Rocha, Portal Terra

S O PAULO - Após sabatina no Memorial da América Latina, nesta segunda-feira (9), o candidato do PSDB à presidência da República, José Serra, criticou os supostos dossiês feitos contra ele e membros do seu partido relatados por reportagem da revista Veja desta semana."Foi mais uma baixaria que tentaram fazer contra mim. Na verdade, já teve a de 2002, depois em 2006, o dossiê dos aloprados do Mercadante, e essa outra agora", afirmou Serra.

O tucano lembrou ainda a quebra do sigilo do imposto de renda do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, e acrescentou: "como se vê, o que não falta em cima de mim é dossiê fajuto e o que falta a meu respeito é achar alguma coisa que eu tenha feito errado porque eu estou há décadas na vida pública e nunca tive nenhuma acusação sequer bem fundamentada."

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, negou no último domingo (8) qualquer relação com a suposta montagem de dossiês. De acordo com reportagem da revista Veja , a sede do Fundo de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ) funcionaria como local da suposta produção de dossiês contra integrantes da oposição.