Para Marina, candidatos rivais usam internet para autopromoção

Marsílea Gombata, Portal Terra

DA REDAÇÃO - Depois de criticar a desistência dos candidatos à presidência da República José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) do primeiro debate online, a presidenciável Marina Silva (PV) afirmou que seus concorrentes têm usado a internet apenas como instrumento e autopromoção e não como forma de debater e apresentar ideias ao eleitor.

"Todos estão usando essa ferramenta. Quando vi que empresas até concorrentes, que militam na internet, se juntaram para fazer um debate e os candidatos desistiram, pude observar que parece não ser para valer essa coisa da participação da sociedade via internet. É apenas uma instrumentalização para promover campanha", criticou a presidenciável.

Marina estará na próxima segunda-feira (26) no Terra para uma sabatina com jornalistas, às 15h. A candidata responderá a questões enviadas por vídeo, em chats e em redes sociais. Internautas interessados em participar podem usar o link abaixo para enviar perguntas à candidata.

Mande suas perguntas para Marina Silva

Marina se colocou à disposição para continuar utilizando a internet também durante o seu governo, caso seja eleita. "Estou me dispondo para que isso seja uma boa ferramenta para exercício do controle social, para a transparência", afirmou.

Marina lembrou ainda que tem recebido avaliações de jovens que fiscalizam políticas públicas em vigor e transparência de recursos pela internet, e lhe enviam sugestões sobre o que consideram bom e ruim. "A melhor forma de governar é governando com as pessoas e não para as pessoas", observou.

Em seu site oficial, a candidata ressaltou que a internet é "uma ferramenta para a boa governança e não apenas uma instrumento de autopromoção".