Umidade do ar a 12% deixa Brasília em situação de emergência

Portal Terra

BRASÍLIA - A umidade do ar em Brasília (DF) caiu nesta quarta-feira para 12%, índice que já caracteriza situação de emergência por conta do ar seco, segundo critérios da Organização Mundial da Saúde. De acordo com a agência meteorológica Climatempo, esta é a tarde mais seca do ano na região até o momento. O número foi registrado às 15h, no aeroporto internacional Juscelino Kubitschek.

Na terça-feira, o menor o nível de umidade relativa havia chegado a 14%. Com ar seco demais, falta umidade na atmosfera para a formação de nuvens. A previsão é que a umidade continue muito baixa até o final de semana na capital federal, com índices entre 12% e 20% durante a tarde.

A recomendação é que a população evite a prática de exercícios físicos nos horários mais quentes do dia, mantenha o corpo hidratado ingerindo bastante líquido e evite aglomerações. O ar seco é ainda mais prejudicial para pessoas com problemas respiratórios, crianças e idosos.