Condenado por crime hediondo pode passar mais tempo preso

Agência Brasil

BRASÍLIA - A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado deve votar nesta quarta-feira, em caráter terminativo, projeto de lei no qual os condenados por crimes hediondos deverão cumprir mais tempo de pena para poder deixar a prisão em liberdade condicional.

O texto aumenta de dois terços para quatro quintos o cumprimento da pena desses criminosos em regime fechado para terem direito ao livramento condicional.

O relator do projeto, senador Demóstenes Torres (DEM-GO), apresentou parecer pela aprovação do aumento da pena em regime fechado.