Bebê tem traumatismo craniano em SP; pais são investigados

Portal Terra

DA REDAÇÃO - A Polícia Civil de Bauru, no interior de São Paulo, investiga um caso de suposta agressão a um bebê de 3 meses, internado na quinta-feira com traumatismo craniano, hematomas nas pernas e no tórax e fratura na costela. O pai, de 20 anos, a mãe, de 16, e outras duas pessoas foram interrogadas. A polícia não divulgou informações sobre os depoimentos.

O menino está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Estadual de Bauru. A instituição informou neste domingo que o estado do bebê é grave. De acordo com a polícia, a criança apresentava choro excessivo e irritabilidade, e teve duas crises convulsivas.