PF apreende 1,7 tonelada de maconha em plantações de Pernambuco

Portal Terra

RECIFE - A operação Liamba, da Polícia Federal de Pernambuco, apreendeu 1,7 tonelada de maconha em propriedades rurais entre o último dia 16 e quinta-feira. A ação da PF tem o objetivo de erradicar as plantações ilegais da droga no sertão pernambucano.

Em torno de 100 agentes de sete estados foram destacados para fiscalizar as plantações. Além disso, três helicópteros, fiscais do Instituto Nacional de Construção e Reforma Agrária (Incra) e a polícia federal do Paraguai deram apoio durante as apreensões.

A ação alcançou os municípios de Cabrobó, Belém do São Francisco, Orocó, Santa Maria da Boa Vista, Floresta, Carnaubeira da Penha e Salgueiro.

Conforme a PF, um traficante gasta aproximadamente R$ 20 mil numa roça de maconha e cada safra rende 3 toneladas da droga. Dependendo da oferta, o quilo é vendido entre R$ 100 e R$ 200, o que geraria um ganho de R$ 600 mil por plantio. De acordo com os agentes da corporação, o tráfico alicia agricultores pagando, em média, R$ 50 a diária, enquanto o serviço normal do campo rende entre R$ 10 e R$ 12.