MP conclui que PMs tiveram intenção de matar motoboy em SP

Portal Terra

SÃO PAULO - O Ministério Público de São Paulo denunciou nesta segunda-feira quatro policiais militares envolvidos na morte do motoboy Alexandre Menezes dos Santos, na madrugada do dia 8 de maio.

Eles foram formalmente acusados por homicídio triplamente qualificado, racismo e fraude processual.

O inquérito das polícias Civil e Militar havia concluído que os PMs haviam cometido homicídio culposo, em que não há intenção de matar.