Governo vai criar este ano programa de guarda costeira e fluvial

Jorge Wamburg, Agência Brasil

BRASÍLIA - O governo federal vai criar ainda este ano um programa de guarda costeira e fluvial que cuidará do policiamento da costa marítima e dos principais rios do país. As ações serão desenvolvidas de forma permanente, mas terão o foco na Copa do Mundo de 2014. Inicialmente, a previsão é que sejam investidos R$ 60 milhões no programa.

As informações foram divulgadas pelo secretário nacional de Segurança Pública, Ricardo Balestreri, durante palestra na abertura do Encontro Técnico de Segurança Pública para a Copa de 2014. O encontro termina na próxima sexta-feira (14), no Hotel Saint Peter, em Brasília.

Segundo o secretário, a medida será implementada por meio de parcerias com os governos estaduais e outros órgãos federais.

Balestreri também destacou que as ações do Programa Segurança nas Fronteiras, no qual devem ser investidos R$ 144 milhões em 2010. Por meio dele, o governo pretende combater, por exemplo, a entrada de armas longas, como fuzis, no território brasileiro, destacou o secretário.