Justiça militar absolve PM gay de acusação de deserção na BA

Portal Terra

SALVADOR - A Justiça Militar absolveu um policial militar homossexual acusado de deserção na Bahia. O tenente da PM Ícaro Ceita do Nascimento afirma que está afastado da polícia em razão de "danos psicológicos", segundo avaliação médica, provocados por "perseguição homofóbica" na corporação. Segundo a PM, o processo de exoneração foi iniciado em 2008, porque o atestado médico obtido pelo tenente não foi homologado pela corporação. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Após a decisão, Nascimento afirmou que a vitória não foi só pessoal, ¿mas do movimento GLBT (gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros) e da democracia brasileira¿. De acordo com o Grupo Gay da Bahia, essa foi a primeira vitória na Justiça Militar brasileira de um homossexual assumido. A PM negou perseguição e afirmou que vai respeitar a decisão da Justiça.