PF vê indício de fraude para desviar recursos da Bancoop

Portal Terra

SÃO PAULO - A Polícia Federal informou à Justiça que há indícios de que administradores de fundos de pensão de estatais tinham a intenção de desviar recursos aplicados no fundo de investimento criado pela Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop), entidade investigada por supostos repasses ilegais ao PT.

O delegado Pedro Henrique Maia afirmou ao jornal Folha de S.Paulo que os créditos do Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) Bancoop I, lançado pela cooperativa em 2004, "não possuíam lastro, sendo apenas hipotéticos". Segundo ele, isso indica fraude. Os fundos Funcef e Petros afirmaram que o investimento foi avalizado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A Bancoop afirmou que o FIDC passou por fiscalização da CVM e de outros órgãos.