Brasília não é capital da corrupção, diz neta de Kubitschek

Luciana Cobucci, Portal Terra

BRASÍLIA - Anna Christina Kubitschek, neta do ex-presidente Juscelino Kubitschek e mulher do ex-governador do DF Paulo Octávio, afirmou nesta quarta-feira que Brasília não é sinônimo de corrupção. Anna Kubitschek e o marido participaram durante todo o dia de solenidades em comemoração aos 50 anos de Brasília, completos nesta quarta, 21 de abril.

"Brasília é o centro de todos os poderes e não acredito que seja sinônimo de corrupção, mas sim de sonho, perseverança, de concretização. Acho que meu avô (ex-presidente JK) estaria orgulhoso hoje. Brasília é muito maior do que os problemas políticos locais momentâneos", disse.

Ao lado da mulher, o ex-governador do DF Paulo Octávio não falou com jornalistas, mas balançou a cabeça afirmativamente quanto perguntado se estava gostando da festa. Em tom de brincadeira, Anna Christina afirmou que na ocasião, Paulo Octávio estava "de marido", e não como autoridade.

200 mil pessoas

Cerca de 200 mil pessoas, de acordo com estimativas da Polícia Militar, estavam na Esplanada dos Ministérios nesta quarta-feira participando das comemorações dos 50 anos de Brasília. Os trens do metrô circularam sem cobrar passagem e chegavam lotados a todo momento.

Pela manhã, a Esplanada ficou repleta de atividades. Às 8h, mais de 5 mil atletas participaram da 4ª Maratona Brasília de Revezamento. A largada foi em frente ao Ministério da Fazenda e contou com a participação de 810 grupos. Os corredores percorrem 42,195 km em revezamento de dois, quatro ou oito atletas.