Lula precisa refletir um pouco sobre as multas do TSE, diz FHC

Portal Terra

SÃO PAULO - O ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso (PSDB) disse que o atual chefe do Executivo brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), "precisa refletir um pouco" sobre as multas aplicadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por propaganda eleitoral antecipada em favor da ministra Dilma Rousseff, pré-candidata petista à presidência da República.

O TSE multou o presidente em duas ocasiões por propaganda eleitoral antecipada. No primeiro caso, Lula foi multado em R$ 5 mil por declarações feitas na inauguração de um complexo esportivo construído com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), no dia 29 de maio de 2009. Em uma segunda decisão do TSE, Lula foi multado em R$ 10 mil por fazer campanha em favor da ministra, na inauguração da sede do Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados de São Paulo (SINDPD), no dia 22 de janeiro.

FHC disse que a decisão do tribunal deve ser cumprida sem discussão, e que Lula deve refletir porque foi multado pela segunda vez, algo inédito na história republicana.

Para o ex-presidente, o mínimo que se espera de um presidente da República é que ele se comporte de acordo com a lei.