Situação de índios em Mato Grosso do Sul é tema de audiência no Senado

Agência Brasil

BRASÍLIA - A situação dos índios Guarani-kaiowá, de Mato Grosso do Sul, que enfrentam problemas como discriminação e violência, será debatida hoje pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado. A sessão está marcada para as 10h. A autora do requerimento é a senadora Marina Silva (PV-AC).

Foram convidados para a audiência pública o ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto Teles, o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, e o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, além de lideranças indígenas e especialistas no assunto.

Relatório do Comitê para Eliminação da Discriminação Racial da Organização das Nações Unidas, elaborado pela organização não governamental (ONG) Survival International, informa que há registro de casos de assassinato, suicídio, desnutrição e alcoolismo entre os Guarani-kaiowá.