Senadores recebem com urgência projetos sobre regulatório do pré-sal

Agência Brasil

BRASÍLIA - Chegaram ao Senado os dois projetos que faltavam para compor o marco regulatório do pré-sal. Os projetos da Partilha e da capitalização da Petrobras foram recebidos na noite desta segunda-feira, dia 22, pelos senadores com pedido de urgência constitucional do presidente da República.

Além deles, os outros dois projetos que já tramitavam na Casa, sobre a criação da Petrosal e do Fundo Social, também receberam pedido de urgência o que cria a nova estatal já tramitava com tal observação, o do Fundo Social entrou na lista de prioridades ontem junto com os novos projetos que chegaram.

Com isso, os senadores têm agora 45 dias para concluir a tramitação do novo marco regulatório e votar os projetos. O prazo para apresentação de emendas também ficou reduzido, e os parlamentares terão até o dia 30 de março para fazer as proposições.

Todos os textos serão apreciados pelas comissões de Constituição e Justiça (CCJ), de Assuntos Econômicos (CAE) e de Serviços de Infraestrutura (CSI). No caso do projeto sobre o Fundo Social, além dessas comissões, a proposta também passará pelas de Assuntos Sociais (CAS), de Educação, Cultura e Esportes (ECE), de Ciência e Tecnologia (CCT) e pela de Meio Ambiente (CMA).