STF deve julgar hoje habeas corpus de Arruda

Agência Brasil

BRASÍLIA - O Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar nesta quinta-feira o habeas corpus do governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda. Ontem, os advogados de Arruda entregaram no STF documento formalizando o compromisso do político de se manter afastado do cargo até o fim das investigações do suposto esquema de corrupção no governo do DF, caso o habeas corpus seja aceito.

Arruda está preso desde o dia 11 de fevereiro, acusado de tentar subornar uma testemunha.

Às 10h, a Câmara Legislativa do Distrito Federal deve votar, em sessão extraordinária, o parecer do deputado Chico Leite (PT), relator da comissão especial que analisa o processo de impeachment do governador afastado.