Nove são presos em operação contra tráfico de drogas no MT

Portal Terra

CUIABÁ - A polícia prendeu nove pessoas nesta quarta-feira, em Mato Grosso, na Operação Fronteira S.A. Elas são acusadas de integrar uma rede de traficantes que atua no comércio com tráfico de drogas e receptação de veículos, na fronteira oeste do estado. A polícia cumpre ainda 10 mandados de prisão preventiva e 20 mandados de busca e apreensão, nos municípios de Porto Esperidião (fronteira com a Bolívia), Araputanga, São José dos Quatro Marcos e Várzea Grande.

Segundo a Polícia Civil, as investigações tiveram início há sete meses com a descoberta de uma organização criminosa de tráfico de drogas e receptação de veículos, entre roubados ou furtados, e também com financiamentos irregulares - os chamados "Finan".

O delegado Gustavo Garcia Francisco disse que, durante as investigações, foram identificadas várias quadrilhas e que uma delas atuava na receptação de veículos roubado, furtados ou "finan" que eram levados para a Bolívia e trocados por pasta-base. De acordo com o delegado, a quadrilha movimentava cerca de 30 kg de droga por semana.

Para o transporte a quadrilha utilizava veículos particulares ou oficiais. No dia 27 de novembro de 2009, um dos envolvidos, o veterinário Cleberson Souza Rocha, foi preso em flagrante pela Polícia Federal, com 12 kg de pasta-base, transportando a droga no veículo oficial do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT) no Trevo do Lagarto, em Várzea Grande (MT).

A droga estava escondida na porta esquerda da Ford Ranger, atrás do forro. O veterinário atuava por contrato temporário como fiscal do Indea-MT. Ele teve o contrato cancelado e responde a processo administrativo disciplinar.