Alunos ganham na justiça direto ao resultado do Enem

Portal Terra

SÃO PAULO - Dois estudantes ganharam na Justiça o direito de ter acesso ao resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os alunos realizaram o exame, no entanto, quando saiu o resultado, não encontraram a nota da prova de ciências da natureza e ciências humanas. Segundo o Inep, quem ficou sem nota deve ter esquecido de preencher o cartão-resposta. As informações são do jornal Estado de S.Paulo.

Além de obter direto ao resultado, um deles também conseguiu a matrícula na universidade onde disputaria uma vaga no curso de Direito. O juiz Flávio Roberto Ferreira de Lima, da 10ª Vara Federal no Recife, obrigou o MEC a publicar a nota do candidato e a UFPE, a matriculá-lo. O outro estudante, que tenta há dois anos uma vaga no curso de Engenharia Civil na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), recebeu a liminar do juiz José Pires da Mota, da 5ª Vara Federal, obrigando a divulgação das provas corrigidas pelo Inep e a suspensão do prazo de matrícula no curso até que o estudante receba sua nota.