PR: PF faz operação para combater crimes ambientais

Agência Brasil

CURITIBA - A Polícia Federal coordena na manhã desta terça-feira a Operação Tolerância Zero para reprimir crimes ambientais na área do Assentamento Celso Furtado, em Quedas do Iguaçu, no Paraná.

Participam da operação 550 agentes entre policiais federais, militares, da Força Verde, funcionários do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Dezenas de viaturas e helicópteros estão sendo usados para auxiliar no cumprimento de 29 mandados de prisão expedidos pela Justiça Federal em Cascavel e de 95 ordens para busca e apreensão e para interdição de serrarias.

As investigações foram coordenadas pela Delegacia de Repressão aos Crimes contra o Meio Ambiente. De acordo com o relatório, os acusados invadiram o assentamento e expulsaram famílias assentadas. Segundo a PF, associações de madeireiros da região exploravam e comercializavam madeira extraída do assentamento, uma área de plantação de araucária, de patrimônio da União.

Os presos serão interrogados na delegacia da PF em Cascavel, para onde será encaminhado o material arrecadado nas buscas.