TSE divulga nome de vencedores dos testes de segurança das urnas

Agência Brasil

BRASÍLIA - O Diário Oficial da União desta segunda-feira publica os nomes dos vencedores dos testes realizados entre os dias 10 e 13 de novembro pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para verificar a confiabilidade do sistema eletrônico de votação.

O presidente do TSE, ministro Ayres Britto, premiou os três primeiros ganhadores Sérgio Freitas da Silva (1º lugar), Fernando Andrade Martins de Araújo e equipe da Controladoria-Geral da União (2º lugar) e Antônio Gil Borges de Barros e equipe da Cáritas Informática (3º lugar).

O investigador Sérgio Freitas da Silva recebeu o prêmio de R$ 5 mil pela melhor contribuição. Ele tentou violar o sigilo do voto por meio da captação de ondas eletromagnéticas emitidas pelas teclas da urna durante a digitação.

O segundo lugar foi premiado com R$ 3 mil. O grupo de técnicos da CGU analisou procedimentos referentes à preparação do pleito. O terceiro lugar ganhou R$ 2 mil. A equipe da empresa Cáritas Informática testou procedimentos de preparação do pleito como a urna e os softwares de votação.

Para o ministro Ricardo Lewandowski, vice-presidente do TSE, que coordenou a organização dos testes, mesmo que nenhuma das equipes de investigadores tenha tido sucesso em burlar os sistemas eletrônicos, foram apresentadas várias sugestões que poderão aperfeiçoar ainda mais o sistema e elas serão avaliadas pelo Tribunal para possível implementação.