Fiscalização encontra falhas de higiene em 22 escolas de SP

Portal Terra

SÃO PAULO - O Conselho de Alimentação Escolar (CAE) de São Paulo encontrou falhas em 22 das 25 escolas que tiveram sua merenda escolar fiscalizada nos últimos quatro meses, segundo reportagem do jornal Folha de S.Paulo. Entre as falhas, estão presença de pombos nos refeitórios, excesso de moscas, alimentos vencidos e ovos mofados.

Segundo a reportagem, muitas das falhas foram verificadas depois da Prefeitura de São Paulo assinar novos contratos de fornecimento de merenda. Ovos embolorados e grande quantidade de pães vencidos teriam sido detectados sob áreas administradas por uma empresa contratada recentemente. A cargo dessa empresa também teria sido detectada uma embalagem violada de peito de frango, que continha uma parte diferente da ave.

Algumas das escolas atendidas, de acordo com a reportagem, não tinham comprovação dos exames médicos das merendeiras, o que é uma exigência contratual. Falhas de higiene, como fezes de pombo no refeitório, teriam sido descobertos a cargo de uma outra empresa. A mesma empresa também foi denunciada, segundo a reportagem, por fornecer uma marca de granola diferente da autorizada e aprovada pela prefeitura.