Governo de MT cancela realização de concurso público

Portal Terra

MATO GROSSO - O governo de Mato Grosso anunciou o cancelamento do concurso publico estadual para o provimento de 10.086 vagas em 34 cargos, nos níveis fundamental, médio e superior. O concurso tinha 274 mil inscritos distribuídos em 16 cidades pólos. O cancelamento, segundo a Secretaria de Estadual de Administração, ocorre devido a vários problemas de atraso e distribuição das provas, além de um tumulto ocorrido hoje pela manhã, na faculdade UniRondon. As provas no período vespertino não serão mais realizadas.

O reitor da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Taisir Karim, instituição responsável pela realização do concurso público, vai explicar os motivos do cancelamento. Junto com o secretário de Administração do Estado de Mato Grosso (SAD), Geraldo De Vitto, o reitor atenderá a imprensa hoje, às 15h (horário de Brasília, 14h em Mato Grosso), na sede da secretaria, no Centro Político Administrativo, em Cuiabá.

Em Cuiabá, na faculdade UniRondon, as provas não chegaram e alguns candidatos não encontraram sala para fazer a prova. Houve início de tumulto e a polícia teve que ser chamada. Em Várzea Grande e Rondonópolis também foram registrado problemas de atraso na entrega das provas e falta de sala aos candidatos.

Nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande, os candidatos estão se dirigindo às delegacias para registrar Boletim de Ocorrência.

O governo do Estado de Mato Grosso divulgou que este era considerado o maior concurso público do Brasil em número de vagas oferecidas, e estava sendo auditado pelo livro dos recordes brasileiros, o RankBrasil.