Operação policial prende 12 por tráfico de drogas no PA e em SC

Agência Brasil

CURITIBA - Doze pessoas foram presas na manhã de nesta sexta-feira, no Paraná e Santa Catarina, acusadas de tráfico de drogas, principalmente cocaína e crack.

A operação, denominada Albert Nieman em homenagem ao químico alemão que sintetizou em 1860 o princípio ativo da cocaína, foi realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), força-tarefa do Ministério Público do Paraná, e pelas polícias Civil e Militar, em parceria com a Força Samurai.

De acordo com o Ministério Público, a suposta quadrilha agia principalmente nos bairros de Pilarzinho e Cajuru, em Curitiba, e nos municípios de Almirante Tamandaré e Pinhais, na região metropolitana.

Foram cumpridos 30 mandados de busca e apreensão em Camboriu (SC), Curitiba e Pinhais. Um dos presos é Marcelo Stocco, conhecido traficante que agia na capital paranaense e principal alvo da operação. Ele foi preso em Camboriu.

Na operação, foram apreendidos 28 quilos de drogas, entre crack e cocaína, nove buchas de cocaína, sete armas, quatro coletes à prova de balas, R$ 66,6 mil em dinheiro e notas fiscais em nome de Marcelo Stocco.

Durante as investigações, foram presos 11 traficantes e apreendidas drogas, armas e veículos.

Segundo o Ministério Público, outras pessoas estão sendo procuradas para cumprimento de mandados de prisão preventiva. Existem ainda mandados judiciais em relação a integrantes da quadrilha que já estão recolhidos no sistema penitenciário.