DF prepara encontro preparatório à Conferência Nacional de Comunicação

Agência Brasil

BRASÍLIA - O governo do Distrito Federal deverá se reunir nesta semana, provavelmente na quinta-feira, com representantes das instituições que vão participar da Conferência Distrital de Comunicação (Confecom-DF), numa prévia do encontro nacional, marcado para os dias 14, 15 e 16 de dezembro, em Brasília.

A maioria dos estados já realizou suas conferências, estando ainda previstos, além do encontro do Distrito Federal, sete eventos, que vão completar a discussão das políticas de comunicação que serão levadas ao encontro nacional.

Depois de realizados todos os eventos estaduais, serão sistematizadas as propostas apresentadas, o que envolve a participação de diversos ministérios. Tais propostas serão, então, levadas ao encontro nacional. A conferência distrital está prevista para a última semana de novembro, "para não ficar muito longe da data do encontro nacional", disse o diretor da Agência de Comunicação do governo do Distrito Federal, Paulo Pestana.

A Conferência Nacional de Comunicação foi reivindicada por movimentos sociais e sindicatos, que pedem a revisão das políticas públicas do setor. Eles defendem, entre outras questões, novos critérios para as concessões de emissoras de rádio e TV e financiamento público para mídias comunitárias.

De acordo com Pestana, a demora na realização da Confecom-DF, criticada por diversas entidades, tem como objetivo dar mais tempo ao governo local para mobilizar empresas de comunicação e outros segmentos que vão participar do evento. Pestana disse que o único interesse do governo distrital é que seja traçada, nessa área, "a política mais ampla possível". Ele explicou que o encontro ainda não ocorreu porque é preciso dar mais tempo para definir a organização e obter um consenso de ideias que serão levados ao encontro nacional.

Dessa forma, acrescentou Pestana, será possível administrar melhor os interesses dos vários setores envolvidos nesse tema (comunicação) na capital federal. Para ele, a realização da conferência distrital no fim deste mês é compatível com a proximidade da data do encontro nacional.

Segundo a diretora e coordenadora do Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário e do Ministério Público da União no Distrito Federal (Sindjus-DF), Sheila Tinoco, a preocupação dos sindicatos e movimentos sociais com a rápida realização do encontro preliminar de Brasília é explicada pela necessidade de tempo para a elaboração do regimento e eleição dos representantes do DF na conferência nacional.