Pista cede e interdita rodovia Raposo Tavares em SP

Chico Siqueira, JB Online

ARAÇATUBA - As fortes chuvas de domingo na região oeste do Estado de São Paulo causaram o rompimento da pista no km 602 da rodovia Raposo Tavares (SP-270), no município de Santo Anastácio, onde uma cratera foi aberta e prejudicou o tráfego de veículos na rodovia que é a principal porta de ligação entre São Paulo e Mato Grosso do Sul. A rodovia liga ainda São Paulo e o porto de Santos.

Para evitar acidentes, a Concessionária Auto Raposo Tavares (Cart) interrompe o tráfego de veículos e recomenda um desvio pelos municípios de Costa Machado, Mirante do Paranapanema e Marabá Paulista. A situação prejudica, principalmente, os motoristas que saem do Mato Grosso do Sul com destino à capital paulista que, com o desvio, serão obrigados a percorrer mais 108 km pelo interior de São Paulo, antes de voltar novamente à rodovia com destino à capital.

De acordo com o gerente de operações da Cart, Hélcio Canedo, a pista cedeu devido ao rompimento causado nos dutos do sistema de drenagem, que não suportaram o volume de água da chuva. Segundo ele, a concessionária enviou equipes para a região e vai atender os motoristas que estiverem no trecho com socorro mecânico e serviço médico.

- Nossas equipes estão se deslocando para a região para trabalhar junto com a Polícia Rodoviária na orientação aos motoristas. Mas o usuário que estiver na região poderá pedir ajuda pelo nosso telefone de emergência, 0800 773 00 90, que será atendido - disse. Segundo a concessionária, o fechamento da rodovia pode durar uma semana.