Polícia prende 14 acusados de tráfico de drogas no RS

Portal Terra

PORTO ALEGRE - A Polícia Civil do Rio Grande do Sul prendeu 14 pessoas acusadas de tráfico de drogas no estado. Com origem no Paraná, a quadrilha era responsável por distribuir cerca de 1,5 tonelada de maconha por mês em Porto Alegre e na região metropolitana.

A desarticulação da quadrilha de traficantes foi resultado de seis meses de investigação da Operação Dom Quixote, do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc). De acordo com o delegado João Bancolini, esse era um dos principais grupos responsáveis pela distribuição de drogas no Rio Grande do Sul.

As prisões ocorreram no dia 24 de setembro, em diligências simultâneas realizadas em Ciudad del Leste, no Paraguai, e em Foz do Iguaçú, Cascavel, São Miguel do Iguaçú e Apucarana, no Paraná. No dia 29, a polícia prendeu o último suspeito, que havia fugido de Foz do Iguaçú-PR, temendo uma possível ação do Denarc. Ele foi detido em Apucarana.

De acordo com a polícia, cerca de 10 agentes do Denarc estiveram nas cidades paranaenses para identificar e prender pessoas que seriam os fornecedores da droga. Além disto, a equipe também localizou pontos de encontro para reuniões e planejamentos por membros do grupo nestas respectivas cidades.