Canais do STF e do CNJ estão disponíveis no YouTube

Agência Brasil

BRASÍLIA - Já estão disponíveis na página do YouTube na internet, para acesso por qualquer cidadão, vídeos institucionais do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), além de trechos de julgamentos ocorridos nesses órgãos e programas produzidos pela TV Justiça. No início da noite de hoje, o presidente do STF e do CNJ, ministro Gilmar Mendes, assinou um acordo de cooperação com a Google Inc, representada pelo diretor-geral do Google no Brasil, Alexandre Hohagen, e pelo diretor de Políticas Públicas e Relações Governamentais do Google, Ivo Correa.

O STF é a primeira Suprema Corte no mundo a ter uma página oficial no YouTube. A intenção é aumentar gradativamente o conteúdo oferecido para aproximar a Justiça do cidadão:

- Daqui a pouco, teremos informações sobre a vara mais próxima do cidadão, a linha do ônibus que ele pode pegar para ter acesso a um órgão judicial. Isto mostra as disponibilidades e virtudes do sistema - afirmou Gilmar Mendes.