RS: filho de dirigente do Grêmio é vítima de sequestro relâmpago

Portal Terra

SÃO PAULO - O filho do diretor de Administração e Patrimônio do Grêmio, Luiz Moreira, foi vítima de um sequestro relâmpago em Porto Alegre, na noite desta quinta-feira, segundo a Brigada Militar. A polícia conseguiu localizar o veículo, um Vectra GT branco, e prender três dos quatro sequestradores. Um deles está foragido.

Os nomes das vítimas estão preservados a pedido das mesmas. O filho do diretor esperava a namorada na frente de sua casa, no bairro Menino Deus, quando foi abordado pelos sequestradores, segundo o coronel João Carlos Trindade, comandante da Brigada Militar. Um vizinho da namorada, que viu o assalto, também foi capturado. A Brigada Militar foi acionada quando uma pessoa que observou o fato acionou o telefone 190, detalhando o carro e a placa.

Um carro dos sequestradores acompanhava a operação. O Vectra GT da vítima foi deslocado até Cachoeirinha, onde seria desmontado, segundo o coronel Élvio Pires, que acompanhou a operação. O objetivo era transferir as vítimas para o outro carro. Enquanto as rodas do Vectra eram retiradas, na Estrada Dionísio Cardoso de Lima, a Brigada Militar conseguiu cercar os sequestradores e resgatar as vítimas. Três dos bandidos foram presos e um conseguiu escapar.

Na operação também foram capturadas duas armas, uma pistola .380 e um revólver calibre 38. Ninguém se feriu.