Governo vai liberar R$ 1 bi em emendas parlamentares

Agência Brasil

BRASÍLIA - O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, informou que o governo vai liberar R$ 1 bilhão em emendas parlamentares. Segundo ele, o ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, fará um levantamento para identificar as demandas e operacionalizar a liberação do dinheiro.

- Na verdade, estamos concordando em começar a liberar as emendas, porque temos agora uma situação que permite isso - disse Paulo Bernardo, após se reunir, nesta quarta-feira, com a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. O processo de liberação do recurso, prevê o ministro, levará cerca de 10 dias.

Bernardo negou que a liberação do recurso para as emendas parlamentares tenha o objetivo de antecipar o recesso no Congresso Nacional, como foi publicado nesta quarta-feira na imprensa. - Não tem nada a ver com o recesso, que tem data marcada pela Constituição - disse.

O ministro lembrou também que José Múcio trata da liberação das emendas desde fevereiro, e os parlamentares discutem o assunto desde o ano passado.