Para Jobim, discussão sobre terceiro mandato é pseudotema

Elaine Patricia Cruz , Agência Brasil

SÃO PAULO - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, classificou de pseudotema a discussão sobre o terceiro mandato para a Presidência da República. Ao participar de um evento nesta segunda-feira, em São Paulo, promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), o ministro comentou sobre a proposta de emenda à Constituição (PEC), de autoria do deputado Jackson Barreto (PMDB-SE).

- Este tema de terceiro mandato é um pseudotema. Temos que tratar de outros temas de maior relevância do que tratarmos da discussão de um pseudotema - disse o ministro, ressaltando o fato de que o próprio presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, tem dito que não cogita disputar um terceiro mandato.

Na visão do ministro, outro problema para que o presidente Lula possa assumir o cargo pela terceira vez consecutiva seria o tempo disponível para a PEC poder ser aprovada.

- Ela teria que ser aprovada na Câmara dos Deputados em dois turnos de votação, no Senado em dois turnos e ser promulgada até o dia 3 de setembro deste ano porque senão não se aplicaria ao atual mandato - explicou.