Enchentes afetam mais de um milhão de pessoas no Norte, Sul e Nordeste

Agência Brasil

BRASÍLIA - Os estragos causados pela intensa chuva, nas últimas semanas, já afetaram a vida de mais de um milhão de pessoas. De acordo com o balanço divulgado nesta segunda-feira pela Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), mais de 184 mil pessoas estão desalojadas e cerca de 90 mil estão desabrigadas.

O total de municípios atingidos pelo grande volume de água chega a 340 em 12 estados. O Ceará tem o maior número de municípios atingidos na Região Nordeste, com 75. No Norte do país, é no Amazonas onde se encontra o maior número de municípios atingidos, 47. E na Região Sul, Santa Catarina é o estado mais afetado com as chuvas que atingiram dez municípios.

De acordo com as informações apuradas nas defesas civis estaduais, 42 mortes foram registradas em decorrência dos estragos causados pela chuva. No Ceará foram 12, no Amazonas, oito, no Maranhão, sete, na Bahia, sete, em Alagoas, quatro, na Paraíba, duas, em Pernambuco, uma e em Santa Catarina, uma.

Preocupado com os prejuízos gerados no Nordeste, que já somam R$ 1 bilhão, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda que pretende enviar ao Congresso Nacional uma medida provisória que libere dinheiro para a recuperação de estados nordestinos atingidos pelas enchentes.