Chuva afeta 1 milhão de pessoas em 12 Estados

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, informou nesta segunda-feira que os desastres provocados pelas fortes chuvas deixaram 184.480 pessoas desalojadas, aquelas que estão hospedadas com amigos ou familiares, e 90.098 desabrigados, aquelas que tiveram de deixar suas casas e dependem de abrigos públicos. As notificações das coordenadorias estaduais de Defesa Civil indicam que 1.090.580 pessoas foram afetadas pelo desastre natural em 12 Estados.

Segundo as informações notificadas pelas defesas civis estaduais e enviadas à Sedec, 42 pessoas morreram por causa dos desastres em oito Estados: Ceará (12), Amazonas (8), Maranhão (7), Bahia (7), Alagoas (4), Paraíba (2), Pernambuco (1) e Santa Catarina (1). No último dia 8, a secretaria havia confirmado 44 mortes. A informação foi corrigida pela Defesa Civil do Maranhão, que reduziu o número de óbitos de nove para sete, segundo a assessoria da Sedec.

Os danos causados pelo excesso de chuva atingiram 340 municípios localizados nos Estados do Ceará, Maranhão, Piauí, Paraíba, Rio Grande do Norte, Bahia, Alagoas, Acre, Amazonas, Pará, Pernambuco e Santa Catarina.

No Nordeste, o Ceará é o Estado que tem o maior número de municípios atingidos (75), seguido pelo Maranhão (72), Piauí (37), Paraíba (26), Rio Grande do Norte (16), Bahia (11), Pernambuco (7) e Alagoas (3). São 244.462 cearenses vitimados de alguma forma pelas enchentes, enxurradas e desabamentos. Destes, 44.610 estão desabrigados ou desalojados.

No Maranhão, a população afetada chega a 197.538 pessoas, com 40.179 desalojados e 26.874 desabrigados. Na Bahia, são 4.972 desalojados e 1.732 desabrigados. No Piauí e no Rio Grande do Norte, a chuva afetou a vida de 71.860 e 45.308 pessoas, respectivamente. E, na Paraíba, são 5.402 desalojados e 1.488 desabrigados.

Na região Norte, é no Estado do Amazonas onde se encontra o maior número de municípios atingidos (47), com 46.242 pessoas desalojadas e 10.196 desabrigadas. No Pará são 34 municípios atingidos e 170.095 pessoas afetadas direta ou indiretamente pela chuva. No Acre, existem 2.105 desabrigados e 1.695 desalojados, em dois municípios atingidos.

Em Santa Catarina, os danos causados pela chuva atingiram 10 municípios e uma população de 3.550 pessoas, deixando 3.333 desalojados e 217 desabrigados.

A Sedec informou ter enviado ajuda humanitária na forma de cestas de alimentos, material de limpeza e kits de abrigamento. Foram disponibilizadas 132.150 cestas de alimentos, de 23 kg cada, compostas por arroz, feijão, açúcar, óleo, leite em pó, farinha de mandioca e macarrão. Um total de 1,4 milhão de itens como colchões, cobertores, travesseiros, fronhas, lençóis, filtros, lonas e mosquiteiros foram enviados às regiões, segundo o órgão.