Conselho de Ética chama Edmar Moreira para depor

Agência Brasil

BRASÍLIA - O presidente do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, José Carlos Araújo (PR-BA), encaminha amanhã (6) convite ao deputado Edmar Moreira (sem partido-MG) para depor no processo em que é acusado de quebra de decoro parlamentar.

No convite, o conselho oferece a Moreira os dias 13 e 20 deste mês para prestar esclarecimentos sobre as denúncias de uso irregular da chamada verba indenizatória de R$ 15 mil mensais a que cada deputado tem direito. Como o conselho não pode convocar ninguém para depor, Moreira não é obrigado a comparecer.

O parlamentar já apresentou sua defesa por escrito, na qual pede o arquivamento do processo, alegando que não usou a verba de forma irregular.

O Conselho de Ética reúne-se amanhã (6) à tarde para definir o cronograma de trabalho, incluíndo aí os depoimentos das testemunhas de acusação. Na defesa apresentada ao conselho, Moreira não apresentou nenhum nome para testemunhar a seu favor.