Receita descobre fraude de R$ 34 mi em declarações do IR

Agência Brasil

BRASÍLIA - A Receita Federal realizou uma operação conjunta com a Polícia Federal (PF) e com o Ministério Público Federal (MPF) contra suspeitos de fraudar declarações do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IR) no Distrito Federal. A Receita estima que as fraudes tenham gerado um prejuízo de R$ 34 milhões para os cofres públicos nos últimos cinco anos.

As investigações apontaram que os suspeitos prometiam ampliar o valor das restituições dos contribuintes ou diminuir o valor do imposto a pagar. Para conseguir alterar os valores, eles inseriam informações falsas nas declarações dos contribuintes interessados.

A operação cumpriu um mandado de busca e apreensão no escritório contábil em Brasília onde ocorria a fraude. Segundo a Receita, os donos do escritório cobravam R$ 150 por atendimento e, posteriormente, 20% do valor efetivamente restituído. Entre os beneficiários de restituições indevidas encontram-se servidores públicos.

Com o material apreendido, os investigadores pretendem identificar os beneficiários do esquema. Os contribuintes que se favoreceram do esquema terão de comprovar à Receita os dados informados na declaração. Em caso de divergência, o imposto será novamente lançado e será cobrada multa de até 225% do imposto omitido. Os beneficiários também estão sujeitos às sanções penais.