Temporão diz que Brasil está preparado para combater gripe suína

Mylena Fiori , Agência Brasil

BRASÍLIA - Apesar do risco iminente de uma pandemia de gripe suína alerta feito nesta quarta-feira pela Organização Mundial da Saúde (OMS) o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, garante que o Brasil está preparado para combater a doença. De acordo com o ministro, Por enquanto, não há evidências de circulação do vírus da gripe suína no Brasil.

- Seria uma irreponsabilidade dizer que ela [gripe suína] não vai chegar no Brasil. Estamos preparados para impedir que ela chegue. E, se chegar, para enfrentar com capacidade técnica e resolutividade essa situação - disse Temporão. Segundo ele, toda a rede de saúde pública está mobilizada e é muito importante que a população confie nas autoridades sanitárias.

- O país está preparado para enfrentar essa situação. Temos um plano de contingência estruturado desde 2005, temos um sistema de vigilância funcionando, estamos redobrando o trabalho nos portos e aeroportos de todo o Brasil, temos medicamentos suficientes estocados para mais de 9 milhões de tratamentos, temos uma rede de 52 hospitais prontos e preparados para atender os casos suspeitos - afirmou.

O ministro alertou, no entanto, para o risco da auto-medicação e de falsas terapias.

- Isso pode mascarar sintomas e atrasar o início de um tratamento correto - frisou.

Para tranqüilizar a população, salientou que não há evidencias de que o vírus tenha atingido porcos e, portanto, não há risco no contato e consumo de produtos de origem suína no Brasil.

Segundo Temporão, há 36 pacientes em monitoramento nos estados de Amazonas, da Bahia, do Espirito Santo, de Mato Grosso do Sul, de Minas Gerais, do Pará, do Paraná, do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Norte, de Santa Catarina e de São Paulo. Também foram identificados dois casos suspeitos em duas capitais, Belo Horizonte e São Paulo, e os pacientes estão sendo tratados como se realmente tivessem a doença.

No mundo todo, foram confirmados 148 casos em nove países, com oito mortes sete no México e uma nos Estados Unidos.