Brasil amplia medidas de prevenção à entrada do vírus da gripe suína

JB Online

RIO - O Ministério da Saúde anunciou a ampliação das medidas de prevenção à entrada do vírus da gripe suína no país. A partir de agora, todos os aviões que saírem dos Estados Unidos, México, Canadá, Nova Zelândia, Grã-Bretanha e Espanha serão monitorados por fiscais da Vigilância Sanitária. As companhias aéreas também foram orientadas a adotar medidas preventivas, como o acompanhamento dos casos suspeitos durante os voos e o uso de máscaras. O Ministério da Saúde também anunciou que o estoque de máscaras subiu de 100 milpara 150 mil.

As medidas também serão reforçadas nos portos do país. O sindicato das agências de navegação decidiu que vai comprar máscaras para os funcionários que precisam visitar as embarcações vindas dos países onde há focos da gripe suína.

Navios vindos de área de risco serão inspecionados antes mesmo de atracar. Os comandantes terão de informar se há tripulantes com o sintoma da doença.