Líder do PR cogita ir à Justiça por vaga de Clodovil

Portal Terra

BRASÍLIA - O líder do PR na Câmara, Sandro Mabel (GO), tem intenção de entrar na Justiça Eleitoral para garantir a vaga do deputado Clodovil Hernandes (PR-SP), morto ontem após uma parada cardíaca. A informação foi confirmada pela assessoria do líder do partido.

Clodovil se elegeu pelo PTC e foi o terceiro deputado mais votado de São Paulo em 2006. No entanto, o deputado migrou para o PR depois do dia 27 de março, após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidir que os mandatos referentes a cargos proporcionais pertencem aos partidos políticos.

O PTC ajuizou no TSE uma petição para que fosse decretada a perda do cargo de Clodovil, que foi negada pelos ministros na última quinta-feira. Segundo a decisão dos magistrados, houve uma grave discriminação pessoal contra o parlamentar. Para Sandro Mabel, o mandato de Clodovil pertence agora ao PR, já que os ministros entenderam pela absolvição. O partido ainda não fez nenhum estudo jurídico para avaliar se é possível brigar pela vaga, segundo a assessoria.