Clodovil fará novos exames para detectar morte cerebral

Portal Terra

BRASÍLIA - A assessoria de imprensa do deputado Clodovil Hernandes (PR-SP) informou na manhã desta terça-feira que o exame feito no deputado para detectar morte cerebral não foi conclusivo.

O exame (doppler transcraniano), realizado para detectar o fluxo de sangue no cérebro, é feito no leito do paciente e requer a realização da chamada contra-prova para se chegar ao resultado correto. Desta forma, na parte da tarde, o deputado será submetido a outros exames.

Somente no fim da tarde a equipe médica do Hospital Santa Lúcia, onde o deputado está internado desde a manhã de segunda-feira, terá uma posição definitiva sobre a possibilidade de Clodovil estar ou não com morte cerebral.

O deputado foi internado no Hospital Santa Lúcia às 8h17 desta segunda-feira, após ter sofrido um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Clodovil foi encontrado por um funcionário da casa onde mora em Brasília, por volta das 7h, caído ao lado da cama. Na tarde de ontem, o hospital informou que Clodovil teve uma parada cardiorrespiratória de cerca de cinco minutos, por volta das 14h15, mas foi reanimado pela equipe médica.