Relatório americano cita internacionalização do PCC e CV

Portal Terra

BRASÍLIA - Relatório do Departamento de Estado dos Estados Unidos sobre o combate contra as drogas no mundo, revela que organizações criminosas brasileiras como o Primeiro Comando da Capital (PCC), de São Paulo, e o Comando Vermelho (CV), do Rio de Janeiro, têm aumentado sua atuação internacional em países como a Bolívia, Paraguai e Portugal, segundo informou o jornal Folha de S. Paulo.

Segundo o Departamento de Estado americano, o PCC e o CV teriam aumentado as relações com cartéis mexicanos e colombianos para comprar armas e manter o controle em favelas cariocas e paulistas.

O relatório é referente a 2008 e foi elaborado pelo congresso americano. Segundo a Folha, Portugal investiga dois supostos integrantes do PCC que estariam atuando na região, além da criação de uma facção no país, mas autoridades brasileiras não acreditam na hipótese.