MP investiga vídeo que apontaria corrupção na polícia de SP

Portal Terra

SÃO PAULO - O Ministério Público de São Paulo investiga uma gravação em vídeo que apontaria para um suposto esquema de corrupção dentro da Polícia Civil paulista. Nas imagens, o advogado Celso Augusto Hentscholer Valente, ligado ao ex-secretário-adjunto da Segurança Pública de São Paulo, e o também advogado Lauro Malheiros Neto conversariam sobre as fraudes. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O vídeo foi citado em depoimento do investigador Augusto Peña, preso desde maio de 2008 sob a acusação de extorsão. Ele falou ao Ministério Público no mês passado. Malheiros Neto deixou a Segurança Pública logo após a prisão de Peña.

Peña teria afirmado que atuava como intermediário na negociação de cargos dentro da Polícia Civil entre policiais e o então secretário-adjunto da Segurança Malheiros Neto. Segundo a Folha, o ex-secretário negou as acusações.