MT: líder indígena é assassinada em fazenda

Portal Terra

SÃO PAULO - O gerente de uma fazenda em Mato Grosso confessou a morte da líder indígena paresi Valmireide Zoromará, de 42 anos, assassinada na última sexta-feira na fazenda Boa Sorte, em Diamantino, a 207 quilômetros de Cuiabá, no Mato Grosso. Ismael Rosa Lima, 39, está preso. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

A índia e outras 12 pessoas teriam ido até a área da fazenda para pescar. Eles foram atacados por volta das 22h, segundo o delegado da Polícia Civil, Daniel Lemos Valente. O marido dela foi ferido e está internado em estado grave. O dono da fazenda alega ter atirado em legítima defesa, segundo o jornal.

A fazenda está localizada em uma área em processo de demarcação de terra indígena, afirma o representante da Funai em Tangará da Serra, Carlos Bastos.