Sobe para 50 número de mortos em estradas de MG

Portal Terra

BELO HORIZONTE - Aumentou para 50 o número de mortos nas estradas federais de Minas Gerais desde 20 de dezembro, uma média de sete mortes por dia. O último registro era de 42 mortes. Nove pessoas morreram apenas a partir de 0h deste sábado.

Os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que oficialmente considera 49 mortos por não incluir nas estatísticas da corporação um bebê de três meses que morreu ontem quando era atendido pelos bombeiros numa ambulância, ainda no local do acidente, na BR-381, que liga Belo Horizonte ao Espírito Santo. A PRF explicou que as vítimas que morrem enquanto são socorridas aos hospitais ou internadas não são incluídas no balanço oficial.

Segundo os bombeiros, o carro da família bateu em outro veículo. A pequena Júlia de Oliveira Luiz foi encontrada às margens da rodovia com fraturas expostas nas pernas e com parada respiratória. A PRF informou que o bebê não era transportado na cadeirinha própria para crianças. Outras sete pessoas ficaram feridas na colisão.

No balanço parcial da PRF foram confirmados apenas o número de vítimas fatais. O inspetor Júnior explicou ainda que os dados completos, incluídos os números de acidentes e de feridos, serão divulgados na próxima segunda-feira.

O acidente considerado mais grave aconteceu na BR-365, em Buritizeiro, no norte do Estado. Cinco pessoas de uma família, dois adultos e três crianças, morreram depois que o carro em que estavam bateu de frente com um caminhão. O motorista do caminhão não ficou ferido.